Palocci vai revelar conta-propina para demandas de Lula e muitos outros segredos em delação, diz revista

DILMA / PALOCCI

Ex-ministro confirmará ainda o destino de mais de R$ 300 milhões recebidos da Odebrecht

Um dos nomes mais fortes dos governos Lula e Dilma, o ex-ministro Antonio Palocci, preso desde setembro de 2016, deu um passo definitivo para a delação premiada.

Segundo publicação da revista Istoé desta sexta-feira (28), Palocci contratou o advogado Adriano Bretas, conhecido por defender outros alvos da Operação Lava Jato que romperam o silêncio e apresentará provas contra o ex-presidente Lula.

Veja quais serão os segredos revelados por Palocci caso aconteça a delação premiada:

Ele vai confirmar que é mesmo o “italiano” das planilhas da Odebrecht.

O ex-ministro vai detalhar o destino de mais de R$ 300 milhões recebidos da empreiteira em forma de propina, dos quais R$ 128 milhões são atribuídos a ele.

Palocci vai contar ainda quando e em quais circunstâncias movimentou R$ 40 milhões de uma conta-propina destinada às demandas do ex-presidente Lula.

O petista revelará ainda quem sacou o dinheiro e entregou para Lula: um ex-assessor, o sociólogo Branislav Kontic e contará ainda como eram definidos os encontros dele com Lula e Kontic.

Segundo a revista, Palocci vai explicar ainda que parte da propina em sua conta foi resultado de um acerto entre ele e Lula durante a criação da Sete Brasil, em 2010. Na ocasião, o ex-presidente teria ficado com 50% do valor, um total de R$ 51 milhões.

Além disso, Palocci deve revelar ainda como foi o processo de obtenção de R$ 50 milhões para a campanha de Dilma. Uma negociação entre o PT e a Odebrecht com o apoio de Lula e do ex-ministro Guido MAntega.

Palocci deve ainda revelar como Dilma participou da negeociação e teve ciência do financiamento ilegal.

Ele comprometeu-se ainda a entregar os números de contas no exterior em que o esquema foi movimentado e indicará os favorecidos.

Pretende ainda mostrar como empresas e instituições financeiras conseguiram uma série de benefícios dos governos do PT, como redução parcial ou total de impostos, renegociação de dívidas tributárias e facilidades junto ao BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s