64,3% dos eleitores são favoráveis a mandato para ministros do STF

AnoEleitoral

81% defendem período de 8 anos

Hoje, ficam na Corte até se aposentar

A maioria dos eleitores brasileiros é favorável a limitar o período que os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) passam na Corte. Uma restrição é defendida por 64,3% dos entrevistados de 1 levantamento do Instituto Paraná Pesquisas.

Nesse universo, 81% defendem 1 mandato de 8 anos. Hoje, os ministros ficam na Corte até decidirem se aposentar ou até a aposentadoria compulsória, aos 75 anos.

O ministro Alexandre de Moraes, o último a ser nomeado para uma cadeira na Corte, tem 49 anos. Completa 50 em 13 de dezembro deste ano. Pelas regras atuais, poderá ficar no Tribunal por mais 25 anos, até 2043.

Outros 25,7% dos entrevistados não concordam em fixar 1 período de mandato aos magistrados. Eis os resultados:

Concorda com a determinação de tempo para o mandato de ministros do STF?

resposta %
concorda 64,3
discorda 25,7
não concorda, nem discorda 6,3
não sabe/ não opiniou 3,6

fonte: Paraná Pesquisas