Olavo sobre Villas Bôas: ‘Doente preso a uma cadeira de rodas’

www.escrevernafoto.com.br_75vmx

Olavo de Carvalho não para. Numa entre várias novas postagens com ataques aos militares, mirou no general Eduardo Villas Bôas, assessor especial do Gabinete de Segurança Institucional e ex-comandante do Exército. A razão foi o tuíte de segunda-feira, em que Villas Bôas compara o ideólogo bolsonarista a uma espécie de “Trotsky de direita”. O general também concedeu entrevista nesta terça ao Estadão, conforme mostramos em post mais cedo.

Na sua publicação nas redes sociais (originalmente no Facebook, e depois reproduzida no Twitter), Olavo diz que os militares, sem argumentos para rebater suas críticas, se escondem atrás de “um doente preso a uma cadeira de rodas”, numa referência à condição do militar em razão de uma doença degenerativa. Villas Bôas é um dos militares mais respeitados pelo presidente Jair Bolsonaro, e os ataques a ele podem elevar a crise a um novo patamar. / V.M.

BR18

Anúncios